Uma lesão que pode trazer inúmeros problemas a qualquer tipo de esportista é a Tendinite do Tendão Calcâneo, comumente conhecido como Tendão de Aquiles. Atletas de diversos tipos de atividade estão expostos a esta possibilidade e para que você possa conhecer um pouco mais sobre o que é, como tratar e prevenir, nossa Fisioterapeuta Esportiva, Dra. Nayara Nepomuceno, esclarece alguns tópicos deste probleminha.

O que é a Tendinite do Tendão Aquiles?

A Tendinite é um processo inflamatório que afeta os tendões. O tendão do calcâneo é o mais espesso e mais forte do corpo e localiza-se entre os músculos da panturrilha e o calcanhar.

A tendinite do tendão calcâneo é a síndrome por uso excessivo mais comum na parte inferior da perna. Esse tendão é colocado sob tensão em atividades como corrida, pedalar em pé, balé, futebol, entre outras.

Devemos sempre procurar um profissional especializado para diagnóstico e tratamento desse tipo de lesão, pois muitas vezes os sintomas da tendinite no tendão calcâneo confundem-se com bursite retrocalcânea, fraturas, entre outras patologias.

Tendão calcâneo

Quais são os sintomas desta lesão?

O paciente relata dor que aumenta com a prática esportiva, rigidez ao acordar, dor durante repouso e algumas vezes presença de edema (inchaço).  A dor piora com o passar do tempo chegando ao ponto de limitar a prática de atividade física.

E as possíveis causas?

Uso excessivo do tendão, erros de treinamento, mudanças súbitas de treinamento, desequilíbrio muscular, calçados impróprios, fadiga e fraqueza muscular.

Como prevenir?

Os alongamentos de panturrilha diminuem a tensão sob o tendão, o uso de calçado recomendado é fundamental, treinos adequados e utilização de palmilhas corretivas, caso necessário, também ajudam a evitar lesões.

Dicas da Fisioterapeuta:

Alongamentos, fortalecimento muscular, exercícios excêntricos, liberação manual do tendão, Crochetagem, liberação miofascial de panturrilha e equilíbrio muscular.

assinatura-fisio

[divider]